Please enable Javascript
Pular para o conteúdo principal

10 milhões de viagens, refeições e entregas grátis

Quando o mundo parou durante a primeira onda da pandemia, oferecemos mais de 10 milhões de viagens, refeições e entregas grátis.

A pandemia atrapalhou a vida de muita gente e prejudicou muitos negócios. Em março de 2020, a Uber, uma empresa baseada na mobilidade das coisas e das pessoas, pediu a seus usuários que parassem de se mover. Pedimos que eles ficassem em casa, para que pudéssemos ajudar a mover os socorristas ao trabalho, levar alimentos para idosos e suprimentos de emergência para as linhas de frente, tudo como parte do nosso compromisso de doar 10 milhões de viagens, refeições e entregas grátis para aqueles que precisam em todo o mundo.

E em apenas três meses, já tínhamos cumprido com o nosso objetivo. Como resultado, os médicos puderam se locomover na Índia. Famílias vulneráveis receberam cestas de alimentos no México. E vítimas de violência doméstica puderam fazer viagens a abrigos ou a lugares mais seguros. Em todo o mundo, a Uber fez parceria com mais de 200 organizações em 54 países para aparecer para aqueles que precisavam de ajuda. Aqui estão apenas 3 exemplos da nossa inovação, impulsionando nossa rede de ajuda em todo o mundo:

Fundação Bill & Melinda Gates (África do Sul)

A

Uber distribuiu mais de 1,4 milhões de receitas médicas a pacientes que tiveram que permanecer em casa durante a crise, uma iniciativa liderada pelo Western Cape Department of Health com o apoio da Fundação Bill & Melinda Gates.

NHS (Reino Unido)

Oferecemos 300.000 viagens e refeições grátis para a equipe do NHS (National Health Service - Serviço Nacional de Saúde) durante a primeira onda da pandemia, enquanto o Reino Unido estava sob confinamento.

World Central Kitchen (EUA)

Facilitamos a entrega de mais de 300.000 refeições frescas no Bronx, NY; Newark, NJ; e Washington, DC, para comunidades de risco que tiveram que permanecer em casa durante a pandemia.

Todas essas viagens e entregas não teriam sido possíveis sem os milhões de motoristas e entregadores parceiros inscritos na plataforma da Uber, colaboradores fundamentais, que ajudam a manter nossas comunidades funcionando durante essa crise sem precedentes. A nossa prioridade era fazer o que pudéssemos para mantê-los em segurança. Reconhecemos os riscos que eles enfrentaram, investimos mais de $ 50 milhões em EPI (Equipamento de proteção individual) e rapidamente implementamos uma política: ninguém viaja sem máscara, impulsionando a nossa tecnologia para sensibilizar os usuários da nossa plataforma. Fomos os primeiros em nosso setor a oferecer assistência financeira direta aos motoristas e entregadores parceiros que foram diagnosticados com COVID-19, e defendemos com sucesso que fossem incluídos nos subsídios de ajuda do governo.

Enquanto a pandemia acelerou drasticamente a adoção da entrega de alimentos, ainda era um momento incrivelmente desafiador para os restaurantes. Claro que os motoristas parceiros não foram os únicos afetados financeiramente pela crise. Como milhões na indústria de restaurantes foram duramente atingidos, fizemos uma doação de $ 6 milhões à Fundação Restaurant Employee Relief nos EUA, lançamos um recurso de contribuição no app que injetou mais de $  20 milhões nas contas bancárias dos restaurantes e anunciamos $ 4,5 milhões em subsídios para empresas americanas em dificuldades. Também adicionamos novos recursos de app criados para atender às necessidades evolutivas de restaurantes do mundo todo.

Saiba mais sobre as nossas 10 milhões de viagens gratuitas ou com desconto para os postos de vacinação.

Saiba mais sobre o impacto do nosso trabalho

Nossos compromissos

Tornamos a mobilidade igual para todos.

Viagens para vacinação

Dos professores aos idosos, estamos ajudando a garantir que a mobilidade não seja uma barreira para receber a vacina contra a COVID-19.

Tolerância zero ao racismo

Racismo e discriminação não têm lugar na nossa empresa, e mostramos aqui o que fazemos para combatê-los.

    Selecione o idioma de sua preferência
    EnglishPortuguês (Brasil)