Destinos

SP histórica: saiba onde visitar os principais monumentos de São Paulo

25 de abril de 2019 / São Paulo

Paulicéia, Sampa, Terra da Garoa, Locomotiva do Brasil… Esses são apenas alguns dos apelidos de São Paulo, cidade com mais de 460 anos que ostenta com orgulho o título de maior metrópole da América do Sul. Repleta de atrações diversas, São Paulo é também um prato cheio para quem é apaixonado por história. Neste post, separamos alguns dos mais importantes e conhecidos monumentos históricos de SP para você que quer saber mais sobre as origens e as transformações da capital paulista através de obras icônicas.

Confira alguns importantes monumentos de São Paulo

  • Glória Imortal
  • Marco Zero de São Paulo
  • Monumento às Bandeiras
  • Obelisco do Ibirapuera
  • Monumento à Independência
  • Mão – Memorial da América Latina
  • Busto de Adoniran Barbosa
  • Mãe Preta
  • Busto de Mário de Andrade
  • Monumento Ramos de Azevedo

Ficou curioso para conhecer mais sobre estes monumentos e lugares históricos em SP? Continue lendo abaixo e saiba mais sobre a origem e localização de cada um destes marcos da cidade.

Glória Imortal

Situado no Largo Páteo do Colégio, local onde a cidade de São Paulo foi fundada em 1554, o monumento Glória Imortal aos Fundadores de São Paulo é uma coluna criada pelo escultor italiano Amadeo Zani para celebrar a criação da metrópole. A imponente obra fica na região da Sé, uma das mais movimentadas da cidade, por onde milhares de paulistanos passam diariamente.


Marco Zero de São Paulo

Outro monumento histórico de SP que celebra a cidade na região central é o Marco Zero, localizado na Praça da Sé. Inaugurado em 1934, o monumento marca o centro oficial da capital paulista, sendo ponto de referência para as coordenadas geográficas da cidade. De formato hexagonal, a peça tem em suas faces referências aos destinos de São Paulo até as outras regiões do país. Conheça o Uber Lite e veja como chegar até lá com menos espaços em seu telefone e gastando menos internet também.


Monumento às Bandeiras

Conhecido como empurra-empurra, o Monumento às Bandeiras retrata os bandeirantes que partiram de São Paulo para explorar outras regiões do país. Criada por Victor Brecheret, a obra também representa em suas figuras as diversas etnias do estado. Fundada no aniversário da cidade em 1953, a escultura fica em frente ao Parque Ibirapuera, importante espaço paulistano.

Monumento às Bandeiras

Obelisco do Ibirapuera

Também no famoso parque está outro importante monumento de São Paulo, o Obelisco do Ibirapuera, cujo nome oficial é Obelisco – Mausoléu ao Soldado Constitucionalista de 1932. Criado por Galileo Emendabili, a escultura foi inaugurada em 1950 e concluída em 1970. O trabalho celebra a memória dos combatentes paulistanos que lutaram no conflito constitucionalista da década de 1930, uma batalha até hoje relembrada pelo povo do estado de São Paulo.

Obelisco do Ibirapuera

Monumento à Independência

Localizado no Parque da Independência, no bairro do Ipiranga, o Monumento à Independência foi inaugurado em 1922 para celebrar a emancipação do Brasil ante Portugal, no local onde Dom Pedro I proferiu o famoso grito da “independência ou morte”. Criada pelo italiano Ettore Ximenes em um dos principais lugares históricos em SP, a obra também conta com uma cripta onde estão depositados os restos mortais de Dom Pedro.


Mão – Memorial da América Latina

Criada pelo celebrado arquiteto Oscar Niemeyer, o monumento Mão celebra o povo do continente e suas lutas ao longo dos séculos, com uma palma estendida em sinal de protesto e memória. A marcante escultura pode ser vista no bairro da Barra Funda, no Memorial da América Latina, conjunto arquitetônico também projeto por Niemeyer e que teve seu projeto cultural desenvolvido pelo antropólogo Darcy Ribeiro.

Mão – Memorial da América Latina

Busto de Adoniram Barbosa

Localizado na Praça Dom Orione, no centro da capital paulista, o busto de Adoniran Barbosa celebra este que foi para muitos o maior dos sambistas paulistanos. Conhecido por contar o cotidiano e a vida comum da cidade em suas canções, Adoniran se tornou um símbolo da vivência paulistana, sendo até hoje um dos sambistas mais interpretados e homenageados da história musical do Brasil.


Mãe Preta

Situada no Largo do Paissandu, a escultura Mãe Preta homenageia as antigas escravas negras responsáveis por criar os filhos dos senhores de engenho no período do Brasil colonial. Criada por Júlio Guerra e inaugurada em 1955, a obra recebe oferendas e é ponto de celebração de datas como o Dia da Consciência Negra e o Dia de Abolição da Escravatura.


Busto de Mário de Andrade

Outra importante figura da cultura paulista que ganhou um monumento em sua homenagem na metrópole foi o escritor Mário de Andrade, um dos principais responsáveis pela icônica Semana de Arte Moderna de 1922. A obra fica na Praça Dom José Gaspar, no centro, dentro da biblioteca pública que também leva o nome do intelectual.


Monumento Ramos de Azevedo

Responsável por diversas obras icônicas da cidade de São Paulo, como a Escola Politécnica, o Mercado Municipal, a Pinacoteca e o Teatro Municipal, o arquiteto Ramos de Azevedo foi homenageado com um monumento na cidade. Projetada pelo escultor Galileo Emendabili, a obra foi primeiramente inaugurada em 1934 na avenida Tiradentes, sendo posteriormente transferida para o Parque Cidade Universitária, onde está até hoje.

Além das obras descritas aqui, São Paulo possui diversos outros importantes monumentos que relembram a história e o desenvolvimento da cidade ao longo dos séculos. Se você quer conhecer mais sobre algumas das mais belas obras espalhadas pela metrópole paulista, a Uber pode ajudar. Quer saber como? Confira as vantagens de viajar com o aplicativo da Uber, solicite sua viagem com apenas alguns toques em seu smartphone e conheça algumas das mais fascinantes obras da cidade com facilidade.