Comece a fazer pedidos pelo Uber Eats

Pedir agora
Promotions

Sem carro, com Uber: histórias de quem conseguiu economizar com uma escolha

24 de agosto de 2018 / Brasil

Para algumas realidades e ritmos de vida, é difícil não ter um carro. Para outras, o automóvel pode se transformar em um peso e tanto no orçamento. Na correria do dia a dia, mal paramos para colocar na ponta do lápis todos os gastos que temos com o carro. Para saber se essa conta fecha ou não, é preciso revisar os gastos e fazer contas. Muitas variáveis devem ser colocadas na balança: além das despesas com manutenção, gasolina e impostos, a distância e seu estilo de vida também contam.


Se o seu carro pesar muito no seu bolso e na sua rotina, o equilíbrio pode estar logo ali, no seu bolso e no seu celular, com a Uber, a sua solução de mobilidade urbana.  Essa foi a saída escolhida pelo Douglas Monteiro, um brasiliense de 29 anos que optou por vender seu automóvel próprio.

 

Douglas Monteiro optou por vender seu automóvel próprio e ir ao trabalho de Uber.

 

“Gastava muito dinheiro com meu antigo carro. Isso acabava pesando em meu orçamento. Além disso, perdia muito tempo no trânsito, pois trabalhava um pouco mais distante de casa e, não raro, pegava engarrafamento no caminho”, explica Douglas. Para ele, a recompensa não veio só na conta bancária, mas também na sua rotina.

Com menos preocupações e mais tempo, sobraram motivos para levar uma vida mais sossegada. “Só vi vantagens. Quando tomei a decisão de vender o carro e usar Uber, imaginei que isso poderia me trazer menos praticidade ao meu dia a dia, pois teria que chamar o motorista todas as vezes que fosse me locomover. Entretanto, o que ocorreu foi exatamente o contrário. Passei a ganhar tempo, pois o tempo que o motorista leva para chegar é muito menor que o que eu levava para estacionar. Também posso usar o trajeto para resolver questões pessoais”, afirma.


Mesmo levando um estilo de vida diferente, vender o carro também foi uma boa saída para Victor Machado e Raquel Moraes. A decisão veio depois do casamento, quando os dois decidiram comprar um apartamento e precisaram rever o orçamento da família para fazer o desejo se realizar.

 

Victor Machado e a esposa venderam um dos carros da família para economizar.

“Avaliamos que era possível ficar apenas com um carro para o casal e que, fazendo isso, ainda economizaríamos”, explica Victor. E a conta estava certa. Atualmente, os dois gastam menos da metade do que gastavam antes para se deslocar. “Antes de vender meu carro, fiz as contas e percebi que gastava em torno de R$ 700,00 mensalmente com tudo dele, fora a depreciação. Hoje, com a Uber, gasto no máximo  R$ 350,00 por mês”.

Além disso, a segurança e a tranquilidade passaram a ser recorrentes no cotidiano do casal. “Hoje não preciso mais me preocupar com estacionamento durante o dia nem com a segurança do local onde pararia o veículo. Também tenho a comodidade de já ir trabalhando ou resolvendo coisas pessoais dentro do Uber”, afirma.


Descubra o peso do seu carro na sua vida

As histórias de Douglas e Victor são exemplos de como escolhas diferentes podem facilitar o dia a dia e transformar o futuro. Você também pode descobrir o peso do seu carro e como ter uma vida mais leve com a Uber, de um jeito simples e fácil. Acesse nosso site e descubra.