Destinos

Cultura em Minas: veja onde escutar música ao vivo em BH

27 de junho de 2019 / Belo Horizonte

Cercada pela Serra do Curral, a encantadora capital de Minas Gerais é um dos destinos turísticos mais queridos do país. Berço de artistas renomados, é o cenário perfeito para muita arte e cultura. São várias opções para vivenciar o melhor dessa cidade incrível e, sem dúvidas, curtir uma música ao vivo em BH está entre elas. Confira algumas dicas de lugares com essa atração.

Áreas de lazer com música ao vivo em BH

  • Savassi
  • Rua Sapucaí
  • Palácio das Artes
  • Rua Pium-Í
  • Avenida Amazonas

Ficou curioso para saber o que torna esses lugares especiais? Descubra agora as atrações e destaques em cada ponto, e como você encontrar algumas das melhores músicas ao vivo em BH.

Savassi

Os bares de BH com música ao vivo são opções de lazer imperdíveis na capital, e o Savassi não decepciona visitantes que procuram por boas atrações acompanhadas de petiscos e bebidas. Bairro mais famoso pela vida boêmia na cidade, sua história de agitação remonta aos anos 40. Nessa época, figuras como Ivo Pitanguy e Fernando Sabino, ambos com vinte e poucos anos, já se divertiam por suas ruas.

Hoje em dia, é possível encontrar bares temáticos com espaço para todos os públicos, muitos deles com programação diversa que inclui samba, jazz, blues, rock e MPB. Se você prefere um ambiente com café, livros e um som mais tranquilo, também há cafeterias com música ao vivo em alguns pontos do bairro. Uma vantagem do Savassi é que a maioria de seus estabelecimentos funciona diariamente.

Homem toca jazz com um saxofone.

Rua Sapucaí

De fácil acesso pela Avenida dos Andradas, a Sapucaí possui diversos estabelecimentos com música ao vivo nos dias de semana, principalmente nas quartas e quintas. A rua é o ponto certo para quem trabalha no centro da cidade e busca lazer em BH na famosa happy hour. A programação dos bares é variada, com destaque para acústicos de voz e violão e bandas de chorinho.

Um destaque na Rua Sapucaí é a presença do Mirante de Arte Urbana, local para observar gigantescos murais de graffiti que tomam a fachada lateral de alguns edifícios no Centro, criando uma espécie de galeria a céu aberto. O visual, único no mundo, se torna ainda mais bonito pela noite, quando as obras são iluminadas e se destacam dos prédios ao seu redor.

Edifício com um graffiti em Rua Sapucaí em Belo Horizonte, Brasil.

Palácio das Artes

Uma alternativa de lazer em BH para quem deseja apreciar música ao vivo, além dos bares espalhados pela cidade, é o Palácio das Artes. O centro cultural, na Avenida Afonso Pena, é marcado por uma programação quase diária que, além de concertos, ópera e grandes artistas da MPB, também inclui apresentações de artes cênicas.

Atravessando a avenida, o Conservatório da UFMG leva ao público apresentações com foco na música clássica, marcada pelo domínio da teoria, e popular, abrindo espaço para grupos regionais. Para visitar o Palácio e o Conservatório com ainda mais praticidade e conforto, você pode solicitar uma viagem com a opção Uber Black, no aplicativo da Uber, e ter acesso a carros do tipo sedan ou SUV.


Rua Pium-Í

A Rua Pium-Í é uma das mais agitadas na noite mineira, com música ao vivo em toda parte. Boa parte desses locais abrem de terça a domingo, mas, se você já quiser iniciar a semana com uma boa dose de animação, também é possível encontrar algumas opções abertas na segunda. Os ritmos e as comidas na Pium-Í variam bastante, incluindo sertanejo, rock e samba.

A dica é visitar os arredores das ruas Passa Tempo e Montes Claros, que podem ser considerados como a maior concentração de bares em BH; são doze deles num espaço de cem metros. Um diferencial da Pium-Í é que podemos encontrar opções diversas, desde os bares mais simples até os melhores estabelecimentos da cidade.


Avenida Amazonas

Um quarteirão da Avenida Amazonas abriga uma das principais concentrações de bares de BH com música ao vivo. Entre as ruas da Bahia e Espírito Santo você pode encontrar pelo menos uma dezena de estabelecimentos, incluindo também restaurantes, lanchonetes e churrascarias, com boa música e bebidas geladas todos os dias da semana.

A região é tão marcada pelo samba, com percussões e cavaquinhos animando quem passa, que está se tornando conhecida como a Lapa de BH, em referência ao bairro mais boêmio do Rio. A dica é visitar essa área nas sextas e sábados, quando alguns bares ficam abertos até de madrugada e a animação só termina quando o último cliente vai embora.

E aí, o que achou desses lugares com música ao vivo em BH? A cidade realmente é um grande palco e, para aproveitar estas opções com o máximo de conforto e tranquilidade, você pode solicitar uma viagem para qualquer ponto de Belo Horizonte com o aplicativo da Uber. Aproveite para conhecer também o Uber Cash, outra forma de pagamento que você pode usar em suas viagens.