Informações para motoristas

Gasolina, GNV… Você sabe todos os tipos de combustíveis que existem?

19 de abril de 2019 / Brasil

Um dos principais aspectos levados em conta pelos motoristas na hora de adquirir um veículo é o combustível utilizado, assim como a quilometragem após o abastecimento, o desempenho do motor e outras questões similares. Se você tem dúvidas sobre quais são os tipos de combustível existentes e as características de cada um, este artigo foi feito para você. Continue lendo e descubra qual combustível é o ideal para o seu carro.

Quais são os tipos de combustíveis encontrados no Brasil?

Atualmente, no Brasil, é comum encontrar veículos movidos aos seguintes tipos de combustíveis. Veja alguns deles:

Diferentes tipos de gasolina

Um dos tipos de combustível mais utilizados no Brasil e no mundo, a gasolina pode ser encontrada em distintas versões. Mas quais os tipos de gasolina mais populares por aqui? Se você chutou gasolina comum, acertou. Por lei, este tipo de combustível deve ter seu índice antidetonante, a octanagem, em no mínimo 87 IAD, além de possuir percentual obrigatório de 27% de etanol anidro, que não é misturado com álcool. Sua cor é a natural, geralmente incolor ou amarelada.

Para quem busca tipos de gasolina mais eficientes, um combustível indicado é a aditivada. A principal diferença para a gasolina comum é a que a aditivada possui maior concentração de detergentes dispersantes que auxiliam na limpeza de componentes do motor, contribuindo com o desempenho do veículo, pois o uso regular da gasolina comum pode acarretar na acumulação de resíduos no motor. Este tipo possui coloração esverdeada.

Outra gasolina muito encontrada por aqui é a premium, que possui nível de octanagem maior, geralmente em 91 IAD. Para aqueles que se perguntam quais os tipos de gasolina que podem ajudar na eficiência de um motor, a premium pode ser outra boa sugestão. No entanto, é importante ressaltar que este combustível só fará diferença em carros com motores potentes e que possam identificar o uso deste tipo, melhorando o desempenho do carro. Sua cor costuma ser alaranjada.


Etanol hidratado

Considerado um dos tipos de combustíveis mais ecologicamente benéficos por provir de fonte renovável, o etanol hidratado difere do etanol anidro por conter 4% de água. Sua taxa de octanagem é de 100 IAD, e ele pode ser produzido a partir de variadas fontes vegetais. No Brasil, o etanol é feito geralmente da cana-de-açúcar.

Como atualmente a maioria dos carros possuem motor flex, o etanol é visto como boa opção. No entanto, especialistas recomendam que o carro seja abastecido com etanol quando o valor deste combustível estiver em até 70% do valor da gasolina. Isso porque o etanol também é consumido de maneira mais rápida do que a gasolina, necessitando de mais litros para realizar a mesma quilometragem.


GNV

O Gás Natural Veicular, ou GNV, também tem se tornado uma boa alternativa para motoristas que buscam combustíveis que causem menos poluição e tenham um preço mais em conta. O GNV costuma ter como base o Gás Natural ou o Biomeato, e pode representar grande economia em relação ao álcool e à gasolina, chegando a até 60% do valor destes.

Porém, vale notar que carros já desenvolvidos para GNV costumam ter melhor desempenho do que os adaptados, e que, no caso destes últimos, será necessário investir na compra e instalação do kit, além de utilizar boa parte do espaço do porta-malas.


Diesel

Mais comum em veículos de grande porte, o diesel mais utilizado no Brasil é o chamado tipo B, feito a partir de diesel puro com o biodiesel, também é chamado de diesel S500, por conter 500 partes por milhão de enxofre e não possuir aditivos. Já o diesel S10, ou aditivado, possui teor de enxofre de 10 partes por milhão, causando menos impacto ecológico e gerando menos resíduos no motor.


Como saber qual tipo de combustível é o melhor para cada carro?

O tipo de substância a ser utilizada em cada carro pode variar de acordo com a frequência de uso, o motor e o modelo do veículo. Para carros flex, o ideal é fazer cálculos comparando o preço da gasolina e do álcool, verificando qual é o mais vantajoso naquele momento. Há quem prefira abastecer com um pouco de cada, buscando o melhor das duas opções.

Há ainda quem opte pelo GNV, mas, neste caso, é necessário fazer uma projeção do quanto será rodado com o carro no longo prazo. Já para quem possui carros com motores potentes e quer conseguir melhor desempenho, pode ser interessante utilizar a gasolina aditivada ou premium.

Se você já é motorista parceiro da Uber ou dirige frequentemente, veja dicas para economizar combustível e pesquise qual substância é a ideal para você. Se você ainda não é um motorista parceiro, mas tem interesse em dirigir com o app, acesse o site da Uber e ajude a transformar a mobilidade urbana em sua cidade.